Português English

Frentes de Proteção a Povos Isolados são fechadas no AM e Focimp divulga nota em repúdio

Inserido por: Administrador em 18/04/2017.
Fonte da notícia: Federação das Organizações e Comunidades Indígenas do Médio Purus (Focimp)

Os povos indígenas seguem manifestando-se publicamente contra o desmonte da Fundação Nacional do Índio (Funai) tocada a todo vapor pelo governo de Michel Temer. A Federação das Organizações e Comunidades Indígenas do Médio Purus (Focimp), em nota pública, repudia o fechamento de três Frentes de Proteção Etnoambiental dos Povos Isolados - Hi’Merimã, Katawixi e Suruwaha.


"(...) coloca todos os povos indígenas da região do Rio Purus em completo abandono e desassistência", diz trecho da nota. A Focimp repudia também o encerramento dos trabalhos de Coordenações Locais da Funai país afora. Na próxima semana, terá início o Acampamento Terra Livre (ATL), em Brasília, que reunirá ao menos 1500 indígenas do Brasil.


Leia na íntegra:


NOTA DE REPÚDIO


A FOCIMP - Federação das Organizações e Comunidades Indígenas do Médio Purus vem a público repudiar a decisão do presidente da FUNAI em relação às medidas tomadas na região do Médio Rio Purus sem consulta aos povos indígenas, conforme a convenção 169 da OIT.


Repudiamos o fechamento das Coordenações Regionais da FUNAI (Cr’s) em todo o Brasil e das Frentes Etno Ambiental de Proteção aos Povos Isolados Hi’Merimã, Katawixi e Suruwaha, o que coloca todos os povos indígenas da região do Rio Purus em completo abandono e desassistência e principalmente aos povos isolados em situação de vulnerabilidade uma vez que os entornos das terras onde habitam esses povos estão sob grande pressão por interesses exploratórios.


A FOCIMP vem deixar claro que não vai ser conivente com esse golpe de desmonte do desgoverno Temer que não nos representa e destrói todos os nossos direitos seja na saúde, educação ou na demarcação de nossas terras, incentivando assim conflitos e abrindo as portas ao agronegócio que rouba, mata e polui nossas terras e águas.

Exigimos respeito e estaremos lutando até o último índio em defesa de nossos direitos.


Lábrea 17 de abril de 2017.



MARCILIO BATALHA APURINÃ

Coordenador Executivo

FOCIMP - Federação das Organizações e Comunidades

Indígenas do Médio Purus

AM

Cimi e Caritas de Tefé (AM) analisam difícil conjuntura para povos indígenas

Muito embora o cenário brasileiro seja de descaso, violência e desrespeito aos povos indígenas, há muita força, resistência e esperança na luta em defesa de seus direitos.

Indígenas do Médio Rio Solimões (AM) cobram participação nas elaborações de políticas públicas

Indígenas do Médio Rio Solimões (AM) estiveram em Brasília na última semana para apresentar reivindicações junto a Fundação Nacional do Índio (Funai) e a Secretaria de Educação Continuada,...

Delegação indígena do Médio Solimões realiza incidência política na Sesai para denunciar violações

Denúncias vão desde a ausência de postos de saúde nas aldeias e falta de transporte para encaminhar os pacientes a hospitais passando por episódios de desrespeito e discriminação

Indígenas ficam sem atendimento de saúde por falta do Rani

O Rani é um documento administrativo que deve ser fornecido pela Funai, conforme previsto pela Lei nº 6.001 de 19 de dezembro de 1973 (Estatuto do Índio)

Crise na Venezuela: Dos 500 índios Warao refugiados metade vive embaixo de viadutos em Manaus

Crianças tem doenças como escabiose, pneumonia e desnutrição. Governo estadual quer transferir os migrantes para zona leste da cidade

Total de Resultados: 157

Página atual: 1 de 32

123456 Próximo Final

Endereço: SDS, Ed. Venâncio III Salas 309/314 - Brasília-DF Cep: 70393-902 - Brasil - Tel: (61) 2106-1650 - Fax: (61) 2106-1651        Twitter - Ciminacional Skype - imprensa_cimi
desenvolvimento: wv